Divulgação

O Cinejornal deste sábado, dia 3, traz uma entrevista especial com o cineasta Paulo Caldas, diretor do documentário Saudade, que está em cartaz nos cinemas. À Simone Zuccolotto, ele conta que o filme surgiu de uma necessidade particular em falar sobre esse sentimento. A perda dos amigos Paulo Jacinto (diretor de fotografia) e Germano Coelho Filho (produtor) foi a principal motivação para investigar a saudade, exposta na produção através de 52 depoimentos. 

O cineasta também é roteirista de Aquamovie, próximo longa do Lírio Ferreira. "Divido o roteiro com Marcelo Gomes e o Lírio. Nossa, foi demais. Três cabeças pensantes e pulsantes! Vai dar um caldo muito bom esse filme", diz.

Ainda na edição desta semana, o programa apresenta os vencedores da 21ª Mostra de cinema de Tiradentes e mostra como foi a pré-estreia em São Paulo de Peixonauta: O Filme.